Archive for the ‘Omega Pharma – Lotto | arquivo’ Category

Batalha implacável na classificação por equipas

Segunda, Julho 19th, 2010

Nunca deveríamos tentar prever o desenrolar de uma corrida, nem imaginar cenários especiais porque, uma coisa que eu aprendi nos meus muitos anos de ciclista profissional é que existem razões suficientes sobre o porquê de uma corrida ser mais dura do que esperamos.

Vamos assumir que existem apenas dois corredores na classificação geral na luta pela vitória no Tour. Creio não ser necessário referir os nomes. Depois, dirigimo-nos para a etapa e a conversa da equipa no autocarro e julgas que sabes já o que vai acontecer na etapa de hoje. No entanto, as aparências podem iludir porque a estreita margem de pontos na luta pelo jerseys verde e pelo jersey às pintas vermelhas abrem outras possibilidades. Mas, isto não é tudo porque existe também a competição por equipas. Se pegarmos em tudo isto e misturarmos dentro de um chapeu e ainda juntarmos 100 corredores altamente motivados, acabamos por criar uma mistura explosiva. Hoje, após 89 kms, um forte grupo com 10 corredores deu início a uma fuga. Nas etapas anteriores da corrida, rolámos num tempo recorde de velocidade média de 47.6 km/h. No entanto, não é possível ter um grupo tão bom de corredores e criar uma corrida diferente ou mais agradável. Uma vez tínhamos o corredor errado no grupo, devido à luta pelo jersey das pintas vermelhas, outra vez aconteceu o mesmo com o jersey verde. Por fim, tivemos o problema da Radio Shack por terem perdido o grupo e, desde modo, tivemos a Caisse d’Epargne a todo o vapor.

Mesmo assim, estas duas equipas irão continuar a controlar-se mutuamente e certamente nos brindarão com surpresas tácticas nas próximas etapas.

Enquanto Jurgen VDB teve, uma vez mais, um excelente desempenho, a restante equipa esteve também muito bem nesta segunda etapa pelos Pirinéus. Amanhã é a etapa Rainha e depois, o dia de descanso. Para ser franco, tenho um grande respeito pela etapa de amanhã, chegando mesmo a intimidar-me um pouco. Se querem saber o porquê deste meu estado, basta verem ver o perfil da etapa na Internet porque, juntamente com todos os factores referidos, será um início rápido e doloroso.

Há um ditado que me foi confidenciado por Leif Hoste esta Primavera após uma queda dura e uma etapa que parecia não terminar nunca.

Hoje o dia acabará tal como todos os outros acabam.

Vê-mo-nos amanhã, Seb

7 dias para o final, 12 subidas de 1ª e 2ª categoria e, incontáveis metros de elevação

Domingo, Julho 18th, 2010